‘Novela Carrossel’ – Resumo 30-10 – Helena cuida de Rabito e Natália fica irritada

Vote nessa matéria: 1 estrela2 estrelas3 estrelas4 estrelas5 estrelas6 estrelas7 estrelas8 estrelas9 estrelas10 estrelas

     





Helena cuidará de Rabito e Natália não gosta.

No capítulo desta terça, dia 30 de outubro, da novela Carrossel, vamos ver que Suzana nega veementemente que tenha dito algo para a diretora. Helena continua desconfiada, mas o sinal toca e as duas voltam para a sala de aula.

A diretora Olívia decide interrogar Firmino e depois Graça sobre o ocorrido no dia anterior. Ela que colher provas para punir Helena, porém não consegue nenhuma informação. Na sala de aula, Paulo rouba metade do lanche que Laura estava guardando para dar para o Rabito.

 Helena intervém e diz que os alunos precisam respeitar seus colegas. Mário agradece o gesto de Laura e diz que ela tem um coração super romântico. Laura suspira e fica com vergonha. Olívia insiste no interrogatório e faz perguntas para a professora Matilde, mas mesmo assim não consegue nada.

Suzana vai até a sala da diretora. Olívia está nervosa, rasga suas anotações e diz que não quer mais saber nada sobre o ocorrido no dia anterior. Enquanto isso, Helena apresenta uma aula de ciências especial para explicar as curiosidades dos animais que vivem no fundo do mar.

Assim que acaba a aula, Helena vai até a casa de Mário para medicar Rabito. Natália não gosta que Helena fique indo lá. Helena aplica a injeção em Rabito com o auxílio de Mário, Jaime e Daniel. Natália observa tudo escondida atrás da porta do quarto de Mário.

Confira os outros resumos da semana de Carrossel -

Resumo de quarta, dia 31 de outubro

Os meninos se reúnem na casa abandonada e decidem reativar a ‘Patrulha Salvadora’. Natália vai até a escola para conversar com a professora Helena. Enquanto aguarda a professora, a diretora Olívia fala para Natália que Mário já foi muito travesso, mas que agora é um aluno que anda nos eixos. Helena chega na sala e Natália diz que foi até a escola para pedir sua ajuda. Helena fica surpresa. Natália conta a dificuldade que enfrenta no relacionamento entre ela e Mário e diz que deseja mudar. A madrasta de Mário fala que começou a perceber que é preciso gostar mais dele e ele dela, mas que não sabe como fazer isso. Helena diz que não será uma tarefa fácil conquistar o carinho de Mário, pois ele se sente muito só. Natália insiste, diz que está arrependida e quer tentar essa aproximação. A professora diz que ela deve começar mudando a maneira como trata Rabito, que tanto o Mário gosta. Ao anoitecer, Natália vai até o quarto de Mário para levar a ração de Rabito. A madrasta começa a observar Rabito de maneira diferente e resolve fazer carinho no mascote, que retribui com lambidas. Na porta do quarto, Mário observa tudo de maneira discreta e com olhar de satisfação.

Feliz, o menino entra no quarto e fala sobre a recuperação de Rabito com Natália. Na manhã seguinte, Natália diz que ficou feliz com a recuperação do cachorro. Os dois conversam enquanto tomam café da manhã. Mário pergunta se Natália, enfim, concorda com a permanência de Rabito na casa. Natália diz que não gosta de cachorros, mas que o menino está cuidando tão bem do mascote que não há motivos para não permitir. Mário fica feliz e os dois começam a se entender. Mais tarde, Natália fala para Germano que observar a maneira como Helena trata as crianças a fez perceber que só se colhe amor quando se planta carinho. Enquanto isso, no pátio da escola, Firmino pergunta para Helena porque ela está observando seus alunos com olhar de preocupação e tristeza. Helena diz que a situação financeira de sua casa está muito apertada e que só ela trabalha. Firmino questiona se ela está pensando sair da escola. A professora diz que essa é uma possibilidade e que está há muito pouco tempo na escola para tentar algum aumento com a diretora Olívia.

Resumo de quinta, dia 01 de novembro

Natália sai de casa e deixa Diana sozinha dormindo no berço. Passado algum tempo que Natália saiu de casa, Diana acorda e consegue sair do berço. A criança começa a brincar no meio da sala, até que resolve abrir o armário da cozinha. A menina acaba ingerindo uma garrafa que contém desinfetante e imediatamente cai no chão desmaiada. Rabito percebe que algo está errado, fareja Diana e sai em disparada atrás de Mário, que está na escola. Assim que Rabito chega na escola, Mário percebe que o cão está agitado e quer que ele o siga. Mário sai correndo atrás do mascote até chegar em casa. Assim que entra em sua casa, Mário se depara com a irmã desacordada no chão da sala. O menino fica desesperado e resolve ligar para Miguel para pedir socorro. Miguel socorre Diana e leva a menina para o hospital, onde passa por uma lavagem estomacal e consegue se salvar. Germano e Natália chegam no hospital preocupados. Miguel vai até a família e explica o que aconteceu com Diana. O médico também faz questão de dizer que Mário teve uma atitude heróica e que se não fosse ele, ela poderia estar em uma situação muito desagradável. Natália agradece muito ao médico e, em especial, a Mário. Ela diz para Mário que apesar de não ter sabido lhe dar amor, ele lhe devolveu a vida. Emocionados, os dois se abraçam. Mais tarde, Natália promete para Germano que fará de tudo para serem uma família feliz.

Na escola, Suzana vai até a classe de Helena e diz para a professora que uma senhora lhe aguarda na sala da diretora. Helena vai até a sala de Olívia e Suzana fica tomando conta dos alunos do terceiro ano. Chegando na sala de Olívia, Helena vê que se trata de sua mãe e pergunta o que ela está fazendo na escola. Cristina diz que foi lhe entregar a correspondência que ela tanto aguardava e que finalmente chegou. Helana diz para a mãe que ela não precisava ir até a escola para entregar o envelope. Cristina lhe entrega a correspondência. Ao abrir o envelope, Helena percebe que se trata de uma carta convidando ela para trabalhar em outro colégio. Ela se desculpa com a diretora Olívia por não ter comentado nada antes. Olívia fica surpresa e pergunta para Helena o que isso significa.

Resumo de sexta, dia 02 de novembro

Helena explica para Olívia que não havia comentado isso nem com sua mãe. Cristina pergunta porque ela está tomando essa decisão. Helena diz que elas vão precisar do dinheiro para ajudar sua avó, uma vez que as economias de seu pai já estão acabando. Cristina diz que elas poderiam resolver o problema de outra maneira. Olívia diz que é uma pena, mas que entende que cada um sabe o que faz. Helena pede desculpa para a diretora, diz que lamenta deixar a escola e que ficará com os alunos até as férias. Enquanto isso, na sala de aula, os alunos dizem para Suzana que gostam muito de Helena e que irão pedir para a diretora deixar que ela continue a dar aula para eles no próximo ano. Suzana elogia o gesto dos alunos, mas alerta que eles devem encarar as coisas como elas realmente são. Valéria pergunta como as coisas são. Suzana diz que eles não sabem se Helena continuará a dar aula para eles no próximo ano e que deveriam perguntar isso para ela. Helena volta para a sala de aula e pergunta para Suzana se os alunos se comportaram. Todos respondem que sim. Então, na frente de todos os alunos, Suzana pergunta para Helena se é verdade que ela irá abandonar a escola. Helena fica chocada com a colocação de Suzana e os alunos ficam abalados com o que escutam. Helena diz que ama todos os alunos e que eles serão sempre especiais para ela, afinal, foram os seus primeiros alunos.

Chorando muito, Helena explica que deixará de dar aula para eles a partir das férias do meio do ano. Todas as crianças também choram com a notícia. Elas não entendem o porquê da decisão de Helena e tentam argumentar, mas sem resultado. Clima de tristeza. Na manhã seguinte, Valéria diz para sua mãe que não quer ir para a escola. Rosa tenta de tudo para fazer a menina ir para a escola, mas não consegue. Cristina fala para Helena pensar em alguma solução diferente do que mudar de emprego e ficar longe dos alunos que tanto ama. Helena diz que está decidida. Mais tarde, na sala dos professores, Helena diz para Suzana que realmente terá que sair da escola por problemas financeiros. Conta que está triste em deixar as crianças e pelo fato de algumas delas acharem que isso é uma traição. Em casa, Valéria conta para Ricardo que não quer ir para a escola porque Helena irá parar de dar aula. Passados três dias, Helena pergunta para os alunos porque Valéria está faltando nas aulas. Eles dizem que ela parou de ir para a escola desde que Helena deu a triste notícia. A professora fica preocupada e autoriza Cirilo e Daniel irem até a casa de Valéria para verificar o que está acontecendo.


Participe! Deixe um comentário sobre esta matéria.

Quer realizar um comentário?

*





RSS RSS (comentáos)