Novela Amor À Vida – César e Pilar não são os verdadeiros pais de Félix

Vote nessa matéria: 1 estrela2 estrelas3 estrelas4 estrelas5 estrelas6 estrelas7 estrelas8 estrelas9 estrelas10 estrelas

     





felixxxx Novela Amor À Vida   César e Pilar não são os verdadeiros pais de FélixNa novela Amor À Vida, vamos acompanhar que o autor da trama, Walcyr Carrasco, deixa guardado a sete chaves a origem de Félix.

Tudo isso é bem mais misterioso do que imaginamos. Caso não mude os rumos da novela, Félix, que é orgulhoso por ser herdeiro legítimo da família Khoury, na realidade, não é filho de César, nem de Pilar.

O autor da trama começa a deixar pistas na sinopse, quando escreve que o nascimento de Félix “também envolve um segredo”.

Depois, ele ainda escreve o seguinte: “ele, o filho legítimo, segundo pensa…”.

Nas próximas cenas vamos ver que algumas coisas que confirmam a história. Durante uma conversa entre Pilar e César, depois da descoberta que Félix é gay, o médico diz para a mulher o seguinte:

“O que você quer, Pilar? Acaso veio defender o florzinha que me entregou como filho?”.

O dono do hospital San Magno, em uma outra briga com Pilar, diz o seguinte:

 “Olha só o filho que você me arrumou”.

Márcia, que está envolvida neste segredo, dá a entender que pode ser a mãe de Félix. Em outra cena, a ex-chacrete dá um  esbarrão em Pilar num Shopping, e a loura a reconhece e fala o seguinte:

“Meu Deus! Você é…”, diz, assustada.

E continua a conversa:

“Minha senhora, é melhor a gente nem lembrar uma da outra. Eu sou eu, você é você e somos desconhecidas”, afirma Márcia.

Pilar comenta :

“É melhor sim. Se você é mesmo quem estou pensando, melhor não lembrar. Vamos esquecer esse esbarrão”, concorda Pilar.

Em outra cena, Márcia encontra César no hospital e os dois também se reconhecem. Ela quer questionar alguma coisa ao médico, que a cora.

“É melhor não fazer pergunta nenhuma, se é o que estou pensando, não vou responder.” Márcia insiste:

“É que o senhor sabe, a gente não é de ferro e eu muitas vezes penso no que…”, diz a ex-dançarina, que é interrompida por César.

“Minha senhora, quando a gente toma uma decisão no passado, não deve olhar pra trás. Eu sinto muito”.

Valdirene é pedida em casamento por milionário

O sonho que Márcia tem em ver sua filha casada com um homem rico, deve se realizar em Amor À Vida.

Valdirene será pedida em casamento por um milionário, o Ignácio. O ricaço fica encantado com o jeito natural e todo atrapalhado da periguete e nem liga para as gafes que ela comete em um restaurante chique.

“Já vi que esse rodízio é top dos top, ó lá o tanto de talher nas mesa! Você pega a picanha com um, a lingüiça com otro…”, diz Valdirene.

Ele dá risada e explica que não é rodízio, mas que ela pode pedir o que quiser. Ignácio pede um champanhe francês, para a alegria da namorada.

 “Estrangeiro! Oba, já começamo bem!”, comemora Valdirene.

Ela ao pegar o cardápio, estranha:

 “Moço, volta aqui um instantinho. Esse cardápio aqui é de gringo. Traz o de gente normal, faz favor”.

O maitre comenta que é o único que eles possuem e Ignácio adora o jeito de Valdirene.

“Pode deixar que eu resolvo com ela. Adoro esse teu jeitinho… tão autêntico…”, diz ele, perguntando o que ela quer experimentar.

Muito empolgada, Valdirene comenta que quem come salsicha todo dia topa experimentar de tudo.

“Escolhe aí gato. Adoro surpresa!”.

Quando o prato chega, a filha de Márcia fica surpresa com a codorna com figos e endívias.

“Vem cá, moço, que pedaço da galinha é esse?”, indaga.

Ele responde:

“Isso é codorna recheada com figos e endívias. Uma das especialidades da casa. Bom apetite”, diz o maitre, que se afasta.

Valdirene ficará passada e muito confusa por não saber como comer. O rapaz então lhe mostra o tipo de talher certo. A namorada começa a comer a codorna, mas um pedaço voa no colo de uma cliente.

Valdirene se levanta e começa a limpar o vestido da mulher e comenta:

“Foi mal, moça! Mas ó só, manchô só um tiquinho, chegando em casa, cê esfrega no tanque que fica novo”, afirma, sem graça.

Muito certa que o ricaço está babando por Valdirene, Márcia corre atrás de um amigo par a ajudá-la a levantar a ficha do cara.

“Preciso saber desse rapaz, que parece milionário e tá assediando a minha filha…eu quero saber se é rico mesmo… se tem ficha na policia… Ignácio Alvimar Carvalho”, informa.

O amigo comenta que ele tem muitos bens, é de família de posses, com tudo declarado.

“Ficha suja ele não tem… Esse homem tá a fim da tua filha?”, indaga.

Márcia responde:

 “Apaixonado! Finalmente, a  Valdirene arrumou um milionário”, comemora a ex-chacrete.

Depois que rola um novo jantar entre os dois, Ignácio deixa Valdirene em sua casa. O cara tenta convencer ela a ir a um lugar mais tranquilo com ele, pois a moça nem um beijo deu no milionário ainda.

 Pó pará, que eu sou letrada. Esse teu hotel num começa com “o”, não… começa é com “m” de Motel. Cê tá cheio de má intenção… Eu já disse que sou difícil, dificílima… Só dô intimidade quando casá…”, decreta.

Ignácio decide então o seguinte:

“Já que é assim, tudo bem. Marca um almoço com a sua mãe pra amanhã, eu passo pra pegar cês duas. Eu quero conversar com ela”.

Quando chega com a notícia em casa, Márcia, começa a pular de alegria.

“Fico nervosa só de pensar que finalmente, o grande dia vai acontecer”, empolga-se.

No almoço, Valdirene quer comer de tudo que vê pela frente. Márcia a repreende pela falta de educação, mas Ignácio a deixa tranquila.

“Deixa, dona Márcia, eu gosto desse jeito… espontâneo dela…  Gosto tanto que…”, diz o ricaço, que tira uma caixa de joia do bolso, abre e mostra um anel com solitário.

“Eu quero pedir a mão da sua filha em casamento. Valdirene, cê aceita se casar comigo?”, afirma o milionário, deixando mãe e filha boquiabertas.


Participe! Deixe um comentário sobre esta matéria.

Quer realizar um comentário?





RSS RSS (comentáos)